* 615

Se meus olhos apontassem meus demônios, retiraria da vida mesmo os que fossem sem a censura de minha criação , creio que precisamos desperta-los com suas iras, desprezos e fantasias, o que não se tornarem útil ao crescimento, não farão parte desta vida.

Publicado em Cotidiano | Deixar um comentário

* 614

A vida deveria ser um punhado de purpurina, que reluzem em suas trajetórias, iluminando em seus holofotes púrporos aos momentos de desafetos, onde as magias e devaneios sejam um momento único, salpicando o brilho da vida.

Publicado em Cotidiano | Deixar um comentário

& 493

Ainda que perdure uma penumbra no coração, vale a pena aguardar o sol do novo dia, nem todos os propósitos florescem ao luar.

Publicado em Reflexão | Deixar um comentário

& 492

Enquanto existir um resquício de ódio, falsidade, desamor, estaremos colhendo fragmentos que resistem a lealdade perante sociedade.

Publicado em Reflexão | Deixar um comentário

* 613

Que o mel é doce não se discute, que os doces momentos não sejam uma breve ilusão, que sejam somente um susto calórico e não um arrependimento, sorrindo e tagarelando saciamos docemente o doce néctar do prazer.

Publicado em Cotidiano | Deixar um comentário